Vamos juntos reivindicar por um Brasil mais justo

É impossível não ficarmos revoltados ao analisar a situação em que encontra-se o nosso País. Existe hoje com muita evidência uma nefasta crise econômica, política e moral que transborda em todos os segmentos da sociedade. A população sente-se enganada, trapaceada e muitas vezes sem esperança. Não enxergarmos uma luz no fim do túnel.

Quero dizer que vocês não estão sós nesse sentimento! Nós, da Secretaria Estadual da Mulher do Solidariedade, também estamos indignadas com essa situação. Porém, esperançosas, convocamos vocês a seguirem conosco para uma batalha que já começou.

Em 2015, lutaremos arduamente em prol de uma sociedade com menos sofrimento, violência, injustiça. Vamos provar que juntos nós podemos lutar!

Amanhã será um dia de luta e nossa mobilização junto às Centrais Sindicais será uma resposta às Medidas Provisórias nº 664 e 665, que diminuem direitos trabalhista como a pensão por morte, auxílio-doença, o seguro-desemprego, abono salarial e seguro-defeso, anunciadas no fim do ano pelo Governo Federal.

O ato será a partir das 9h em frente ao vão livre do Masp, na Av. Paulista. Em seguida, sairemos em passeata até a sede do Ministério da Fazenda e da Petrobras onde entregaremos um documento aos representantes desses órgãos que entre outras reivindicações, demanda a revogação das MPs que retiram os direitos dos trabalhadores.

Contamos com todos vocês.

População Guerreira jamais será vencida!