Solidariedade/SC planeja triplicar o número de representantes nas eleições municipais

O diretório do Solidariedade Santa Catarina projeta ampliar o número de representantes em todas as regiões do estado nas eleições municipais de 2020. “A expectativa de crescimento do Solidariedade/SC é triplicar a bancada de vereadores e eleger, no mínimo, 2 a 3 prefeitos e vices”, explicou o presidente estadual, Osvaldo Mafra.

Para atingir o objetivo o Solidariedade/SC está trabalhando com afinco para se solidificar como um dos partidos que mais crescem no estado. “O partido está se organizando nos principais colégios eleitorais. Estamos trabalhando no litoral catarinense, regiões sul e norte do estado, no Alto Vale do Itajaí e Planalto Norte. Esses colégios têm 70% da votação de todo colégio eleitoral catarinense”, afirmou Mafra.

Mesmo com a pandemia do novo coronavírus, a preparação dos pré-candidatos está a todo vapor, mas com algumas modificações. As reuniões presenciais acontecem somente com uma quantidade menor de pessoas e seguindo os protocolos de segurança. Já os contatos virtuais, ganharam grande importância.

De acordo com o presidente, o momento requer cuidados, mas o trabalho não pode parar, pois até 04 de outubro ainda há muita coisa para fazer, entre elas, conhecer o eleitorado, que mudou nos últimos anos.

“É necessário compreender e acreditar que a alteração do quadro eleitoral no Brasil é grande e os eleitores não são mais os mesmos. Nós precisamos estar convictos que temos de mostrar nosso trabalho, o comportamento do Solidariedade e, principalmente, trabalhar com muita serenidade e seriedade com nossos eleitores”, concluiu.