Solidariedade/AP planeja eleger representantes em cerca de 10 municípios

Mesmo com a recente reformulação da executiva estadual, o Solidariedade/AP trabalha para eleger representantes em, pelo menos, 10 municípios no estado. “Estamos reestruturando o partido, pois o encontramos com sérios problemas, mas agora já estamos caminhando. As perspectivas são as melhores, com reais chances de vitória nas eleições de 2020”, afirmou o presidente estadual da legenda, Marcelo de Matos Dias.

O segredo para essa confiança é a divulgação das bandeiras do partido para a sociedade. A expectativa, segundo o presidente, é que os amapaenses assimilem a disposição do Solidariedade para a melhoria das condições de vida da população.

“Nosso país e nosso povo precisam de políticos que tenham realmente compromisso com o bem-estar da população, com a educação, saúde e, principalmente, com o combate à corrupção”, explicou o presidente.

A pandemia do novo coronavírus dificultou a estruturação das campanhas, mas o Solidariedade/AP conseguiu driblar esse obstáculo com o auxílio da tecnologia. “Estamos resolvendo todas as situações de forma on-line, mantendo contato direto com nossos futuros candidatos”, explicou.

Além da confiança nos resultados das urnas, Marcelo também falou da qualidade dos pré-candidatos do partido, que possuem plenas condições para trabalhar em prol da população. “Nós, do Solidariedade, temos esse compromisso, e vamos fazer a diferença nas câmaras de vereadores e nas prefeituras. Vamos juntos rumo a vitória”, finalizou.