Solidariedade Mulher/RN apresenta seus resultados em Feira de Artesanato

O projeto “Doceiras do RN”, criado em 2014 pelo Solidariedade Mulher no Rio Grande do Norte, está apresentando seus resultados positivos na 20ª Feira Internacional do Artesanato, que ocorre neste momento em Natal.

Um estande com doces preparados por artesãs de 12 municípios potiguares está montado dentro da Feira divulgando a intenção do partido Solidariedade de influir na criação de mecanismos que elevem o padrão do trabalho das mulheres norte-rio-grandenses.

A 20ª Fiart está ocupando todo o Centro de Convenções de Natal, na Via Costeira, e recebe milhares de visitantes todos os dias.

A base do projeto é dar orientação e condições técnicas para que as doceiras artesanais realizem seu trabalho de forma que o produto tenha as condições de aceitação pelo mercado formal: manejo com padrão sanitário adequado, embalagem, cálculo de valor de venda e canais de comercialização.

O projeto também cumpre as orientações da direção nacional do Partido Solidariedade, que estimula o desempenho efetivo das suas diversas secretarias partidárias nos Estados.

“Nossa intenção é influir na área técnica, mas também queremos criar o ambiente empreendedor para que a visão de expansão dos pequenos negócios possa partir de cada uma delas, em suas próprias regiões, adaptadas aos seus mercados e tomando as próprias iniciativas. Queremos induzir o surgimento de potenciais empreendedoras onde antes havia apenas o ato mecânico de fazer um doce bem feito”, explica a advogada e mentora do projeto, Luciana Bezerra.