Deputado Francischini convoca Lula a se explicar no plenário da Câmara

Lula foi confirmado como novo ministro da Casa Civil, nesta quarta-feira (16), na mesma tarde onde, de acordo com o jornal O Estado São Paulo afirma que Sérgio Moro vazou uma gravação de Dilma combinando termo de posse da pasta com o ex-presidente, e o deputado Fernando Francischini (SD/PR) vai protocolar no plenário da Casa convocação do novo ministro para que explique os crimes federais nos quais está sendo investigado.

“Lula é última peça de um quebra-cabeça. E ele não não assume um ministério e sim a presidência da república. Acabou o Governo Dilma. Lula, praticamente réu na Lava-Jato, não deve sair incólume de mais essa afronta à população. É de um cinismo sem precedentes um governo abrigar um acusado para que fuja da Justiça. Vamos apresentar quantos requerimentos forem necessários para que ele explique toda a lama da corrupção que foi instituída por ele no Brasil”, afirma o deputado.