Audiência pública discute “Dia do Profissional de Eventos” na Câmara dos Deputados

Requerimento do deputado federal Lucas Vergilio, a CTASP (Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público) recebeu na quarta-feira (14), na Câmara dos Deputados, uma audiência pública para discutir a instituição do Dia do Profissional de Eventos. A data escolhida é 30 de abril e coincide com o aniversário Caio de Alcântara Machado, publicitário brasileiro, criador das feiras industriais de negócios e precursor da realização de grandes eventos no Brasil.

A indústria de eventos, apesar de ser considerada nova, cresce cerca de 14% ao ano, emprega mais de 7,5 milhões de profissionais, de mais de 126 categorias, e representa 4,3% do PIB do país. Ainda assim, apenas o estado de São Paulo adota, pelo calendário oficial, um dia para homenagear esse grupo.

O deputado Paulinho da Força esteve presente na audiência. “É a categoria que organiza todos os eventos do Brasil e que, normalmente, não tem sido reconhecida. A ideia dessa audiência pública é iniciar aqui o reconhecimento do profissional de evento e tenho certeza que o projeto de regulamentação da profissão será priorizado na CTASP”, afirmou.

Presidida pelo deputado federal Augusto Coutinho, o evento contou com a presença Ana Cláudia Bitencourt Claudino, Presidente da ABEOC (Associação Brasileira de Empresas de Eventos) e secretária das Pessoas com Deficiência do Solidariedade; Leila Malvezzi Bueno, presidente da ABRAFEC (Associação Brasileira de Cenografia) e diretora da ForEventos, representando Elza Tsumori, Presidente do Fórum do Setor de Eventos;  e Camila Beraldo, superintendente da FBHA (Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação), representando Alexandre Sampaio de Abreu presidente do CNC (Conselho de Empresários de Turismo e Hotelaria da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo).

“São mais de 590 mil eventos realizados, por ano, no país, que movimentam cerca de 209 bilhões de reais. Um segmento que tem tanta representatividade não tem uma data comemorativa que valorize esses profissionais. Por isso estamos aqui, para reconhecer o trabalho de vocês”, afirmou Ana Cláudia Bitencourt Claudino.