Cunha discute marcar votação do impeachment para um domingo – Folha

Adversário declarado do governo, o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), discutiu na manhã desta terça-feira (22), em sua residência oficial, marcar a principal votação do pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff para um domingo, possivelmente 17 de abril.

Continue lendo