Confiança do setor de serviços recuperou 62% das perdas dos primeiros quatro meses do ano – G1

A confiança do setor de serviços subiu pelo terceiro mês seguido em julho, segundo a Fundação Getulio Vargas (FGV), alcançando 79 pontos. Os ganhos, no entanto, recuperaram cerca de 62% das perdas sofridas nos primeiros quatro meses do ano.

“Apesar da melhora tanto na percepção sobre o momento atual, quando em relação às expectativas, o resultado do mês precisa ser analisado com cautela porque ainda há um caminho considerável para voltar ao ritmo anterior à pandemia”, aponta em nota Rodolpho Tober, economista da FGV Ibre.

De acordo com ele, as flexibilizações das medidas de isolamento podem contribuir para a melhora da confiança, mas a cautela dos consumidores e a incerteza elevada “impedem imaginar um cenário de recuperação robusta do setor no curto prazo”.

Expectativas e momento atual

A pesquisa da FGV mostrou que houve melhora tanto nas avaliações sobre o momento atual quanto em relação às expectativas em relação aos próximos meses.

O Índice de Situação Atual (ISA-S) subiu 7,0 pontos, para 71,0 pontos, recuperando nos últimos três meses 45% da queda registrada no bimestre março-abril.

O Índice de Expectativas (IE-S), por sua vez, cresceu 7,5 pontos, para 87,3 pontos. Mesmo acumulando 40,0 pontos de crescimento entre os meses de maio e julho, o índice segue 11,6 pontos abaixo dos 98,9 pontos registrados em fevereiro, antes do início da pandemia.

Continue lendo