Brasil receberia maior parte dos US$ 56 milhões da OMS para combate à zika – Notícias UOL

A Organização Mundial da Saúde (OMS) lançou nesta terça-feira (16) um plano estratégico de resposta à epidemia da zika que prevê investimentos globais de US$ 56 milhões, cerca de R$ 225 milhões. Pelos critérios de distribuição dos recursos, o Brasil receberá a maior parte da verba –embora a divisão seja global, a prioridade é para países com presença do Aedes, da zika e de más-formações congênitas e só o Brasil preenche todos esses quesitos.

Países que têm o mosquito, mas não têm a presença de zika, por exemplo, receberão recursos na área de vigilância e controle do vetor.

Continue lendo