O fortalecimento da luta!

A realização do 8º Congresso Nacional da Força Sindical, entre os dias 12 e 14 de junho, não poderia deixar de acontecer em momento mais crucial do que este que o País vivencia, de forte crise econômica, política e social, e de descrédito por parte do povo brasileiro.

A taxa de desemprego atual, com produção e consumo estagnados, juros ainda nas alturas, as constantes ameaças da retirada de direitos trazidas pelas propostas de reformas do governo, e a chuva de delações e infrutíferas tentativas de explicar o inexplicável por parte dos envolvidos, vão levar os cerca de 3 mil congressistas a um debate intenso sobre a atuação da nossa Central, em nível nacional sobre como mudar o sintomático quadro que se apresenta.

Claro que vamos debater, neste 8º Congresso, temas pontuais da luta do movimento sindical e de outros temas de abrangência nacional. Mas não poderíamos nos furtar de tecer minuciosamente ações voltadas à defesa dos direitos dos trabalhadores, à situação econômica do País e aos temas referentes à política nacional.

Nosso Congresso terá a função de nos fazer aprimorar nossa luta por um País digno, democrático e soberano, onde todos tenham acesso aos serviços mais básicos, como saúde, educação, emprego, justiça social, decência e dignidade.

Um País onde todos se orgulhem de ser brasileiros! Esta é a nossa luta!