Deputados do Solidariedade votam a favor da intervenção federal no Rio de Janeiro

Por 340 votos a 72, a Câmara de Deputados aprovou, na madrugada desta terça-feira (20), o decreto que autoriza a intervenção federal na Segurança Pública no Rio de Janeiro. Todos os parlamentares do Solidariedade votaram a favor da medida – dos 14, somente um não estava presente.

O líder do Solidariedade na Câmara, Aureo (RJ), orientou a bancada do partido a votar a favor do decreto de intervenção federal e destacou que a medida é o único instrumento legal de combate ao crime organizado que pode ser utilizado neste momento. “É uma ação muito séria e não podem haver erros, por isso vamos ficar atentos para garantir que seja efetiva na defesa da população”, esclareceu.

Na votação, que durou mais de sete horas, os parlamentares se revezaram na tribuna e o quórum se manteve alto durante toda a sessão.

O Decreto 9.288/2018 será submetido a votação, ainda nesta terça-feira (20), ao Senado, e, se aprovado, transfere do Governo do Rio de Janeiro para as Forças Armadas a gestão da segurança pública, até 31 de dezembro de 2018. A intervenção federal foi anunciada pelo presidente Michel Temer na semana passada e já estava em vigor, mas precisa ser referendada pela Câmara e pelo Senado.