Secretaria de Liberdade de Expressão Religiosa e Filosófica do Solidariedade repudia internautas por ataques a CNBB

A Secretaria de Liberdade de Expressão Religiosa e Filosófica do Solidariedade manifesta total indignação e repúdio as críticas efetuadas por grupos de internautas, nas redes sociais, sobre as falsas notícias de financiamentos de projetos, realizados pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

De acordo com as notícias inverídicas, a CNBB estaria financiando projetos de “ONGs Abortistas” e “grupos terroristas, com recursos do Fundo Nacional de Solidariedade (FNS), constituído pela arrecadação da Campanha da Fraternidade.

É com tristeza que percebemos a radicalidade de violência verbal e os ataques explícitos, sem verificar a veracidade da informação, a instituição que fez e tanto faz pela cultura e educação.

Nós, da Secretaria de Liberdade de Expressão Religiosa e Filosófica do Solidariedade, repudiamos as ofensas realizasdas à instituição e nos solidarizamos com seus bispos católicos na pessoa do seu presidente, Dom Sérgio Rocha, Acerbispo de Brasília e seu vice-presidente, Dom Murilo Sebastião Ramos Krieger, Acerbispo de São Salvador da Bahia-BA Primaz do Brasil.

Que busquemos pelo diálogo e respeito a justa liberdade de expressão numa democracia ativa e pacífica.

Moisés Silva
Secretário Nacional de Liberdade de Expressão Religiosa e Filosófica