Deputado federal Bosco Saraiva é reconduzido à presidência do Solidariedade no Amazonas

O deputado federal Bosco Saraiva foi reeleito, por unanimidade neste final de semana, presidente do Solidariedade no Amazonas. Durante a eleição do diretório estadual, composto por 81 membros, foi eleita também a direção executiva do partido. A solenidade contou com a presença do secretário-geral nacional do partido, Luiz Adriano, autoridades, vereadores, delegados e convidados convencionais.

O secretário-geral falou do trabalho que tem que ser feito para as eleições de 2020 e 2022 e explicou a responsabilidade que o presidente terá nesse período.

“Ou se organiza o partido com ideologia e proposta ou o ele irá se sucumbi. O papel do Bosco é muito importante porque o compromisso dele é fortalecer o partido para colocar o maior número de eleitos nas Câmaras Municipais, prefeituras e futuramente no congresso e nas assembleias”, explicou Luiz Adriano.

O presidente estadual agradeceu a confiança a ele creditada e conclamou, principalmente os jovens, para a formação de uma nova sociedade pautada no diálogo e projetos eficientes e eficazes de desenvolvimento social.

“Sei que cumpro somente uma etapa de construção desse belo partido aqui no nosso estado. A vocês, aos mais jovens que me alegram de estarem vindo compor este partido. Portanto, eu agradeço de coração a todos que estão vindo, especialmente, aqueles meninos e meninas que compõem esta mesa. Que fazem a nova gestão do nosso partido. O que faço hoje, ao assumir o diretório deste maravilhoso partido é abrir caminhos para os mais jovens. Muito obrigado”, disse Saraiva.

O Partido Solidariedade é um dos mais recentes do Brasil, possui aproximadamente 250 mil membros filiados, sendo quase cinco mil no Amazonas e tem como presidente nacional, o também deputado federal por São Paulo, Paulinho Pereira (Paulinho da Força).

“Agradeço profundamente a direção do Solidariedade, partido que só tem cinco anos, mas olha para frente o tempo inteiro. Agradeço as palavras do homem simples e de uma firmeza impar, de uma convicção humilde e brasileira, chamado Paulinho Pereira. E toda vez que ele se pronunciar em rede nacional, prestem muita atenção no que ele diz porque, via de regra, ele reflete e fala exatamente o que todos nós estamos pensando. Muitos não tem a coragem de dizer o que ele diz. Agradeço aos meus companheiros do Solidariedade no Amazonas. A gente não olha pelo retrovisor, a gente olha para o para-brisa e é para frente que a gente anda”, avaliou Bosco Saraiva.

Diretoria executiva

A diretoria executiva eleita é formada por diversos profissionais do Amazonas que têm como missão, dentre outras, promover a inclusão, dignidade e respeito à diversidade humana, ecológica e a valorização da vida. Quem responderá pela secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Sustentável e Agricultura Familiar, é a professora-doutora Eyde Cristianne. Para a secretaria da Mulher, a estudante de direito e economia, Layanne Raquel Samuel Silva de Oliveira. A secretaria da Pessoa com Deficiência, João Evangelista Carneiro (Vanjo) e na secretaria dos Aposentados, Idosos e Pensionistas, Carlos Lacerda.

“Isso facilita a atuação do partido em diversos segmentos importantes para ajudar o desenvolvimento do Amazonas”, considerou o vereador Elissandro Bessa.

As demais secretarias são representadas por: secretaria de Defesa e Proteção do Animais, Tácio de Melo Maciel; Secretaria de Liberdade e Expressão religiosa e filosófica, Carlos Alberto e Silva; secretaria de Movimento Sindical, Sebastião Braga, secretaria da Igualdade Social, Jari Maquiné; Secretaria dos Jovens, Rafael Amorim; secretaria de Organização, Gilmar Barbosa; Segundo Tesoureiro, José Rodrigues de Lima, Primeiro Tesoureiro, Mário Jorge Brandão, Tesoureiro Antonio Santino de Souza; Primeiro secretário geral, Almir Pereira; secretário geral, Jorge Halen Lima da Silva (Chocolate), segunda vice-presidente Suzana Barbosa, e primeiro vice-presidente, Vicente Filizola.

Jornalista: Ed Blair
Fotos: Tácio Melo