8 de março, um dia para refletir

Eunice-Cabral-2

Estamos no século XXI e ainda existe muita discriminação, desigualdade entre homens e mulheres, a violência no crescente. Não temos nada a comemorar e sim para refletir.
Precisamos construir o mês de março durante os 365 dias do ano, para que não sejamos lembradas só nesta data. Somos mães, trabalhadoras e 52% do eleitorado brasileiro são mulheres, geramos os outros 48%, assim continuamos lutando por uma sociedade mais justa e igualitária para todos.

Mesmo com todas essas dificuldades, estamos vendo mulheres se destacando em alguns setores da sociedade e profissionalmente, onde antes funções que era predominante para os homens, hoje a mulher se destaca em algumas delas como, por exemplo, piloto de avião, juíza, construção civil, motorista de ônibus entre outros, sendo que fazemos a mesma função ainda ganhamos 30% a menos.

Apesar desses avanços temos muito para conquistar, a participação da mulher na política ainda é muito pouca, precisamos ocupar cargos nos poderes Legislativo e Executivo seja ele na esfera municipal, estadual ou federal a nossa voz precisa ser ouvida, precisamos nós unir e sermos cada vez mais solidárias uma com as outras. Só assim construiremos um país mais justo e igualitário.
Deixo essa reflexão para todas nós mulheres do Solidariedade Mulher.