Governo revisa de novo meta fiscal de 2015 e vê rombo de R$ 51,8 bilhões

O governo revisou nesta terça-feira (27) para baixo a meta fiscal de 2015 para um déficit primário (despesas maiores do que receitas, sem contar os juros da dívida pública) de R$ 51,8 bilhões, o equivalente a cerca de 0,8% do Produto Interno Bruto (PIB), – o maior rombo fiscal da história para as contas do governo.

Continue lendo