Gestão Haddad atrasa repasses e já deve R$ 92 mi às empresas de ônibus – Folha de S.Paulo

A Prefeitura de São Paulo atrasou os repasses e já acumula uma dívida de R$ 92 milhões com as empresas de ônibus pelos serviços entre os dias 7 e 12 deste mês.

O débito é motivado pela crescente diferença entre a receita com a tarifa e os pagamentos contratuais previstos para as viações de ônibus.

Devido ao buraco nas contas do transporte, a gestão Fernando Haddad (PT) afirma que já decidiu elevar os subsídios ao sistema este ano –na prática, terá que remanejar dinheiro de outras áreas para regularizar os repasses.

Continue lendo