Conab aumenta previsão para safra de grãos a recorde de 240,7 milhões de toneladas em 2018/19 – G1

A Companhia Nacional do Abastecimento (Conab) elevou nesta quinta-feira (11) a estimativa para a produção brasileira de grãos a 240,7 milhões de toneladas na safra 2018/19. Se confirmada, será a maior colheita da história, superando as 237,6 milhões de toneladas apuradas no ciclo 2016/2017.

A área plantada está prevista em 62,9 milhões de hectares, o que representa um aumento de 1,9% em relação à safra anterior.

No caso da produção de soja, principal produto de exportação do agronegócio brasileiro, houve uma redução de 3,6% na comparação com a última safra, chegando 115 milhões de toneladas.

Já a colheita do milho é um dos destaques da temporada. A produção da segunda safra do cereal deve ser a maior da história: 72,4 milhões de toneladas, crescimento de 32,4% na comparação com a última temporada. A produção total no país, somando as duas safras do grão, está agora estimada em 98,5 milhões de toneladas.

Arroz e feijão

Alimentos básicos da mesa do brasileiro, arroz e feijão vivem situações opostas na safra 2018/19. O arroz tem produção estimada em 10,4 milhões de toneladas, 13,6% menor que a obtida em 2017/18, devido às reduções ocorridas nos principais estados produtores.

No caso do feijão, o clima favorável contribuiu para uma produção de 1,3 milhão de toneladas do feijão na segunda safra, 7,1% acima da anterior. E a terceira safra, com plantio finalizado em meados de julho, deverá ter produção de 721,5 mil toneladas, 17,5% superior ao volume já produzido em 2017/18. A primeira safra, até o momento, foi a única que teve queda, de 22,5%.

Continue lendo